Sobre o XAMA

Nem bem havia se apagado a última faísca do Xama 2019 e já estávamos idealizando a nossa volta para o réveillon de 2020. E desde então, movidos pela memória daqueles dias inesquecíveis, virados na brisa quente do mar, é isso que viemos fazendo. A meta desse ano? Mais do mesmo, que já era mágico, só que melhor e mais intenso.

A seleção escalada maior e mais diversa, integral e natural. Novos, velhos amigos e a união de ainda mais coletivos brasileiros nas areias emantadas de Algodões. As festas fechadas de bares abertos com novos ventos e cardápios musicais. As Boat Parties, capitaneadas pelos coletivos, desbravando as águas calmas da Península menos solitárias. A pista a céu aberto, o palco à beira mar e o ar condicionado oceânico do Xama Bar, firme e forte nos pés do Atlântico. E garantindo a pista aquática mais concorrida da Bahia, o Na Manteiga volta a comandar a sua lagoa dançante.

Tem mais? Tem, lógico. Vamos falar tudo agora? Não, lógico. Mas uma coisa podemos adiantar: a contagem regressiva e a ansiedade progressiva já estão de olho no dia 26.12.2019 – dia que nasce o Xama 2020.